Portal Ecclesia
A Igreja Ortodoxa Atualizações e notícias Seleção de textos Subsidios homiléticos para Domingos e Grandes Festas Calendário litúrgico bizantino Galeria de Fotos Seleção de ícones bizantinos Clique aqui para enviar-nos seu pedido de oração Links relacionados Clique para deixar sua mensagem em nosso livro de visitas Contate-nos
 
 
Biblioteca Ecclesia
 
 
 

Catecismo Breve

«Ortopráxis - maneiras de viver a Ortodoxia»

22. Oração Pessoal

O jejum e a oração constituem a base da vida de um cristão ortodoxo. A oração é uma conversa da alma com Deus, do mesmo como, numa conversa, há sempre alguém que fala e outro que escuta. Na oração falamos com Deus e Ele fala conosco. É preciso saber escutar Deus em nossas orações, por isto, a grande importância do silêncio e da meditação. Na oração não devemos falar sem parar, pois assim, não será uma oração, não será uma conversa, não será um diálogo.

«Oração de Intercessão»

A Igreja faz orações diariamente por todos e para todos. Para isto estabeleceu um «devocionário» que deve ser seguido com seriedade, maturidade espiritual segundo as possibilidades de tempo de cada um.

O «Livro das Orações» ou o «devocionário» nos brinda com lindas orações, matutinas e vespertinas, acessíveis a todos. São orações dedicadas à Mãe de Deus, ao Senhor, ao Anjo de guarda; orações para antes e para depois das refeições; orações para a hora de deitar e acordar etc.

Pode-se ainda incluir no devocionário as orações dedicadas aos santos de devoção particular.

Quando não houver possibilidade de rezar diante de ícones pela manhã, em casa, podemos rezar a caminho do trabalho, no carro, no ônibus ou caminhando. O importante é sempre orar: ao levantar pela manhã, antes de fazer a primeira refeição, ao menos o sinal da cruz para que aquele dia seja abençoado por Deus.

No fim do dia devemos também rezar, agradecendo pelo dia e pedindo proteção para a noite que está por vir. Se o fiel estiver enfermo ou muito cansado, a oração vespertina deve ser feita antes de se deitar e de maneira mais breve. Contudo, nunca devemos deixar que os compromissos do dia-a-dia nos impeçam de conversar com Deus. As orações feitas na igreja, com nossos irmãos, não nos isenta do dever da oração pessoal.

Na oração da manhã, sobretudo, devemos rezar sempre e por primeiro pela paz do mundo, pelo bispo, hierarca da comunidade, pelo confessor, pelos pais e padrinhos de batismo, pelos familiares e amigos. Quando houver pessoas que nos odeiam, devemos rezar por elas, desejando a paz e o bem.

É costume pela manhã ler o Evangelho do dia e algum Salmo. Os monges aconselham os fiéis ortodoxos a lerem o Evangelho em seqüência, quando não tiverem o calendário das leituras em casa.

O objetivo principal do «devocionário» é preparar a alma do cristão para um diálogo permanente e vivo com Deus; despertar no fiel pensamentos de confiança, purificar o coração do pecado e evitar as tentações. Devemos «rezar incessantemente no Espírito, com orações e súplicas de todo tipo, e fazer vigílias, intercedendo, sem cansaço, por todos os cristãos». (Ef 6,18)

Como rezar quando nos falta tempo? Com que palavras rezar? Quem não sabe ler, como fazer para rezar? São Serafim de Sarov aconselha que sempre e em todo lugar façamos a oração de Jesus: «Senhor Jesus Cristo, Filho do Deus vivo, tem piedade de mim pecador!» Repetir muitas vezes o «Kyrie Eleison». É uma oração breve, mas que agrada a Deus e eleva nossa alma.

 

Voltar à página anterior Topo da página
NEWSIgreja Ortodoxa • Patriarcado Ecumênico • ArquidioceseBiblioteca • Sinaxe • Calendário Litúrgico
Galeria de Fotos
• IconostaseLinks • Synaxarion • Sophia • Oratório • Livro de Visitas