Portal Ecclesia Site Ortodoxia.com.ar (em espanhol)
A Igreja Ortodoxa Atualizações e notícias Seleção de textos Subsidios homiléticos para Domingos e Grandes Festas Calendário litúrgico bizantino Galeria de Fotos Seleção de ícones bizantinos Clique aqui para enviar-nos seu pedido de oração Links relacionados Clique para deixar sua mensagem em nosso livro de visitas Contate-nos
 
 
O Monte Athos Monastério XEROPOTAMOU
 
 
 
  • Fundação: Século X
  • Fundador: Monge Pavlos Xeropotamenos
  • Dedicação: Quarenta Mártires
  • Celebração: 09 de Março
  • Contato (tel.): +30 23770-23733 / +30 23770-23251

MONASTÉRIO XEROPOTAMOU, dedicado aos Quarenta Mártires, está situado no centro da península do Athos, do lado Sudoeste. Foi fundado no final do século X, provavelmente pelo monge Pavlos Xeropotamenos, prosperando até o conquista frankish, quando foi atacado e saqueado por piratas. No período anterior a Queda de Constantinopla, recebeu apoio financeiro bizantino da dinastia Paleologan bem como da Sérvia. Depois da Queda de Bizâncio, as invasões turcas somadas a dois incêndios, em 1507 e em 1609, causaram danos sérios ao monastério.

O Katholikón foi construído por Caesar Dapontes, entre 1761-1763, e tem a planta típica das igrejas do Monte Athos. Os painéis artísticos das paredes são mantidos em excelente estado de conservação, desde a época de sua criação até os dias atuais. No interior do Complexo Monástico existem sete capelas dedicadas aos Santos Arcanjos, Santos Constantino e Helena, a Exaltação da Santa e Venerável Cruz, a São João Batista, aos Santos Theodósio e Jorge e à Apresentação da Santa Mãe de Deus. Do outro lado do Katholikón, está o refeitório, construído pelo abade Alexander de Wallachian. Entre o Katholikón e o refeitório encontra-se o Phiale, fonte para a Bênção das Águas, feito com mármore vermelho.

O Monastério Xeropotamou possui um tesouro incalculável de relíquias de santos, sendo que a mais proeminente de todas elas é um fragmento da autêntica Cruz de Cristo, o maior que existe em todo mundo. Também pertence ao monastério um pequeno ícone em forma circular conhecido como “Disco de Pulcheria”. A biblioteca contém aproximadamente 409 códices manuscritos e cerca de 4.000 exemplares de livros impressos. Segue a regra cenobítica de vida monástica sendo, atualmente, habitado por uma comunidade de 30 monges. Ocupa a oitava posição na ordem hierárquica dos vinte monastérios Athonitas.

 
2 5 8 9
11 12 3 4
6 7 10  
 

Imagens pesquisadas na Internet

  • http://www.culture.gr/
  • http://www.macedonian-heritage.gr/Athos
  • http://www.rollins.edu/Foreign_Lang/Greek/greece.html
  • Voltar à página anterior Topo da página
    NEWSIgreja Ortodoxa • Patriarcado Ecumênico • ArquidioceseBiblioteca • Sinaxe • Calendário Litúrgico
    Galeria de Fotos
    • IconostaseLinks • Synaxarion • Sophia • Oratório • Livro de Visitas